VENENO OU SOLUÇÃO?

Conheça os riscos do aspartame e da sacarina e descubra três opções saudáveis de substituição aos adoçantes convencionais.

A indústria de adoçantes lucra milhões anualmente com a promessa de oferecer alternativas ao açúcar e para a ingestão de uma quantidade menor de calorias. Acontece que muitos adoçantes artificiais existentes no mercado como o aspartame e a sacarina, podem ser bastante prejudicais a saúde.

O aspartame é resultado da fermentação realizada por bactérias intestinais geneticamente modificadas. Esse produto é um resíduo metabólico que foi considerado inútil pelas próprias bactérias. Já a sacarina pode ser pode ser sintetizada quimicamente de diversas maneiras, mas originalmente é uma substancia processada a partir de derivados do alcatrão.

Esses edulcorantes são mais intensos, o que em teoria, representa o consumo de um volume inferior ao do açúcar comum. Mas será que essas opções são realmente mais saudáveis? Pessoas com restrição ao uso de açúcar, normalmente incluem em sua dieta uma grande quantidade de produtos diet ou zero, que frequentemente são adoçados com essas substâncias e isso inclui iogurtes, refrigerantes, doces, biscoitos, entre outros. Segundo a Organização Mundial de Saúde, no caso do aspartame, o limite de consumo considerado seguro é de 40 mg por quilo de peso corporal, ou seja, uma pessoa de 70kg deveria ingerir no máximo 2,8 gr de aspartame por dia, o que equivale a três sachês e meio deste adoçante ao dia, do contrário poderá expor sua saúde a riscos.

Muitos especialistas apontam o aspartame como uma substância que pode causar danos ao cérebro. Pesquisas realizadas com animais em laboratório mostraram que, a longo prazo, a ingestão de sacarina pode levar a uma maior probabilidade de desenvolvimento de câncer na bexiga.

Pensando nisso, listamos três adoçantes que são opções saudáveis de substituição ao açúcar e aos edulcorantes:

1.Mel

O mel é o produto produzido pelas abelhas a partir do néctar das plantas. Além de adoçar, o mel também oferece muitas propriedades nutritivas. Isso sem contar sua ação anti-inflamatória e antibiótica, que ajuda a prevenir e tratar doenças. É importante lembrar que crianças com menos de 1 ano de idade e pessoas com diabetes não podem consumir o mel.

2.Açúcar mascavo

O açúcar mascavo tem uma concentração maior de melaço de cana, pois não é submetido a todo o processo de refino e clarificação química do açúcar convencional. Com isso, ficam preservadas propriedades nutricionais como cálcio, potássio, entre outras vitaminas e minerais. No entanto, é preciso cautela no consumo, porque apesar de todas essas qualidades, o valor calórico continua alto.

3.Stevia

A Stevia é um adoçante natural extraído da planta e podeoferecer muitos benefícios a saúde. Seu extrato é capaz de adoçar 300 vezes mais que o açúcar normal. Seu valor calórico é muito baixo, o que ajudar na perda de peso e pode ser muito eficiente no controle de doenças como diabetes.

  • Facebook ícone social
  • Google+ ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social

Deixe as Plantas Medicinais trabalharem a seu favor!!

IDEALIZADORES
Ana Paula dos Santos
Caraguatatuba-SP
Daniel Forjaz
  • telegram-icone-icon
  • Facebook - Círculo Branco
  • Google+ - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle